Apesar do alívio nas contas, os paranaenses se mantêm como os mais endividados do Brasil.

As dívidas no cartão de crédito dispararam e atingiram o maior percentual da série histórica.

92,4% da população do Estado relatou possuir algum tipo de dívida a pagar em novembro.

O levantamento aponta que 93,8% da população do Estado possuía algum tipo de dívida em abril, especialmente no cartão de crédito.

O cartão de crédito segue como o principal tipo de dívida dos paranaenses; endividamento pelo financiamento de veículos cresceu no estado.

95% das famílias do estado possuíam algum tipo de dívida em setembro, como cartão de crédito, financiamento de veículo e financiamento imobiliário.

O endividamento aumentou entre as famílias de menor renda no estado; dificuldade em pagar as contas em dia é observada desde o começo do ano.

Este é o maior índice de endividamento para o mês de maio de toda a série histórica da pesquisa; cartão de crédito lidera a inadimplência.

É o maior nível de endividamento das famílias paranaenses para o mês de abril na série histórica da pesquisa, devido o aumento da inflação.

O endividamento no cartão de crédito continua como o principal tipo de dívida no país, representando 86,5% do total de famílias endividadas