Pedro Ribeiro

O Carnaval curitibano nunca foi uma festa que pudesse se destacar entre as grandes metrópoles, apesar dos esforços dos diretores de escolas e foliões que desfilam na avenida Marechal Deodoro. Agora, se depender do atual prefeito da cidade, Rafael Greca, e dos pretendentes a ocupar seu cargo, tende a ser pior. Foi o que vimos, nos ensaios do próprio prefeito e dos candidatos, Eduardo Pimentel e Ney Leprevost. Não sabem nada de samba, também apesar dos esforços.