procon, procon-pr, fiscalização, aeroportos, companhias aéreas, direito do consumidorDivulgação/SEJU

Procon-PR participa de fiscalização nacional em aeroportos

Companhias aéreas foram alvo de mais de 8,5 mil reclamações em 2023

O Aeroporto Internacional de Curitiba – Afonso Pena foi visitado nesta quinta-feira (17) por uma equipe do Procon-PR e da SEJU (Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania).

O objetivo da força-tarefa era investigar eventuais casos de desrespeito aos direitos dos passageiros por parte das companhias aéreas.

A mobilização nacional foi coordenada pelo Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC).

Além da fiscalização, a ação compreende uma pesquisa com os consumidores para levantar a percepção em relação aos serviços prestados pelas companhias de transporte aéreo.

“As respostas servirão de suporte para políticas públicas que garantam efetividade na proteção dos direitos dos usuários”, ressaltou a coordenadora do Procon-PR, Claudia Silvano.

Só no ano passado foram registrados mais de 8,5 mil atendimentos relacionados a companhias aéreas nos canais oficiais disponibilizados pelo Procon-PR.

Segundo o órgão, as principais reclamações são relativas a atrasos, cancelamentos, falta de informações sobre a cobrança de despacho de bagagens e marcação de assento.