mp pr professor tortura aluno vômitoFoto: Geraldo Bubniak/AGB

Seis pessoas são denunciadas por associação criminosa no norte do PR

Grupo era especializado na prática de assalto a banco com explosivos

Seis pessoas foram denunciadas por associação criminosa para a prática de assalto a banco com explosivos na região norte do Paraná. O crime é conhecido como ‘novo cangaço’, modalidade de ataque a agências bancárias, carros-fortes e outras instituições financeiras.

Conforme o MPPR (Ministério Público do Paraná), um integrante da associação criminosa – foragido da justiça – morava em Santo Antônio da Platina. Durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão, foram localizados os demais envolvidos no crime.

Além disso, foram apreendidos explosivos (23 quilos de dinamite), munições de arma de fogo, rádios comunicadores, um balde com “miguelitos” (artefato utilizado para furar pneus de veículos) e aparelhos de telefonia celular.

Durante as investigações, foi constatado que o foragido foi para a região para convencer outras pessoas a praticar o crime de furtos e roubos a bancos da região, usando explosivos e armas de grosso calibre.

O homem foi denunciado por integrar organização criminosa e, em conjunto com os demais, por se associar criminosamente, bem como pela posse das munições e dos explosivos.