pirâmide solar recorde energia curitiba(Foto: (Arquivo) Ricardo Marajó/SMCS)

Pirâmide Solar de Curitiba bate recorde na geração de energia

O recorde de geração diária foi registrado no dia 5 de novembro

Com o forte sol, a Pirâmide Solar de Curitiba, que fica localizada na Caximba, bateu recorde de geração de energia fotovoltaica em dezembro de 2023. A usina solar instalada sobre o aterro sanitário desativado produziu 600.000 kWh (kilowatts/hora).

Desde abril até o final de 2023 foram gerados 3,29 GWh (gigawatts/hora) ou 3.290.000 kWh (kilowatts/hora), quantidade suficiente para suprir 19.690 residências por um mês (residências com família de quatro pessoas).

Em 2023, 295 unidades consumidoras foram beneficiadas pela energia gerada pela Pirâmide de Curitiba.

Isso resultou em uma economia de R$ 1,76 milhão (R$ 1.769.449,47) para os cofres públicos do município. Atualmente, 269 unidades consumidoras estão recebendo créditos de energia gerados pela Pirâmide Solar.

“A nossa Pirâmide Solar é um exemplo para o mundo de como é possível gerar energia de forma limpa e renovável. Que é possível buscarmos a justiça climática. A Pirâmide Solar transforma a luz solar em energia limpa. É uma ideia inteligente, como a nossa Curitiba. Está ajudando a diminuir a poluição no mundo e também provoca nas pessoas o sentimento de que é possível vencermos os efeitos perversos do aquecimento global”, celebrou o prefeito Rafael Greca. 

RECORDE

O recorde de geração diária da Pirâmide Solar foi registrado no dia 5 de novembro, com  29,64 MWh (megawatts/hora). O dia 6 de novembro ficou em segundo lugar com 29,27 MWh.

Em dezembro, o dia 28 foi o de maior geração, com 28,39 MWh, que é o terceiro dia de maior geração até hoje. Contudo, dezembro registrou melhor média diária e maior geração mensal.

PIRÂMIDE SOLAR DE CURITIBA

8,6 mil painéis
4,55 MWp de potência instalada
30% da energia dos prédios públicos do município
R$ 2,6 milhões de economia anual para os cofres públicos com gastos com energia da Prefeitura de Curitiba