Operação mira dono de postos de combustíveis de Curitiba

Conforme as investigações, alguns locais não teriam licença ambiental

Uma operação da PCPR (Polícia Civil do Paraná), iniciada na manhã desta quarta-feira (30), mira o dono de postos de combustíveis de Curitiba. Conforme as investigações, alguns locais de serviço não teriam licença ambiental. 

No total, 12 ordens judiciais foram expedidas – 11 de busca e apreensão e uma de restrição cautelar diversa da prisão, instrumento que permite conter o possível autor de um crime. Na casa do empresário os agentes apreenderam armas, coletes balísticos e documentos. Apesar das pistolas terem documentação, o juiz determinou o recolhimento.

O homem precisou de atendimento médico e deve prestar depoimento ainda hoje. Segundo informações da Band TV Curitiba, alguns postos de combustíveis do empresário estão sendo visitados pelos agentes. 

Sem a licença ambiental, os locais, que ficam nos bairros Atuba e Barreirinha, serão fechados. A polícia também apura crimes de armazenamento de combustível em desacordo com as normas legais, corrupção ativa de testemunhas, indução do consumidor ao erro e associação criminosa.