Geral
Golpe do falso consórcio gera prejuízo de R$ 400 milhões no Paraná e em outros estados
Foto: Divulgação/PCPR

Golpe do falso consórcio gera prejuízo de R$ 400 milhões no Paraná e em outros estados

A quadrilha abria escritórios e, após um período, encerrava as atividades deixando as vítimas sem contato, dinheiro ou bens prometidos.

Rafael Nascimento - quinta-feira, 27 de junho de 2024 - 11:33

A Polícia Civil investiga uma quadrilha suspeita de aplicar o golpes do falso consórcio, no Paraná e em outros estados. O prejuízo estimado com o esquema criminoso chega a R$ 400 milhões.

Uma operação deflagrada nesta quinta-feira (27) cumpre seis mandados de busca e apreensão e outros quatro de prisão. Segundo a polícia, os alvos estão localizados em municípios do Amazonas e Tocantins.

A investigação aponta que o grupo atuava em vários estados. Os suspeitos iludiam as vítimas na aquisição de bens móveis e imóveis, que acreditavam estar adquirindo uma residência e depositavam valores em contas de terceiros. 

O grupo, situado em Manaus, no Amazonas, abria escritórios falsos em Curitiba, Palmas, São Paulo, Fortaleza e Maceió. Após um período, encerrava as atividades deixando as vítimas sem contato, dinheiro ou bens prometidos.

O prejuízo estimado causado pela organização criminosa é de R$ 400 milhões no período de cinco anos, conforme a Polícia Civil.

Compartilhe