rompimento abastecimento água matinhos colombo campina grande do sul saneparFoto: Agência Senado

Bairros de Curitiba e São José dos Pinhais podem ficar sem água hoje (21)

Só na Capital, 35 bairros podem ficar desabastecidos até 24 horas, segundo a Sanepar.

Bairros de Curitiba e São José dos Pinhais, na Região Metropolitana, podem ficar sem água nesta quarta-feira (21). Só na Capital, 35 bairros podem ficar desabastecidos por um período de até 24 horas, segundo a Sanepar.

A empresa explicou que realiza uma limpeza no reservatório de água tratada Batel. O serviço teve início as 7h e será concluído no fim da parte, às 17h.

Além da limpeza, a Sanepar também fará hoje a manutenção elétrica na entrada de energia da Estação de Tratamento de Água Iguaçu, a partir das 9h.

Durante esse período, os moradores dos seguintes bairros de Curitiba podem ficar com as torneiras secas:

  • Jardim Botânico, Rebouças, Centro, Cristo Rei, Hugo Lange, Prado Velho, Juvevê, Alto da XV, Cajuru, Jardim das Américas, Guabirotuba, Uberaba, Água Verde, Boqueirão, Alto Boqueirão, Capão Raso, Cidade Industrial, Fanny, Fazendinha, Guaíra, Hauer, Lindoia, Novo Mundo, Portão, Santa Quitéria, Seminário, Vila Izabel, Pinheirinho, Xaxim, Ganchinho, Sitio Cercado, Bigorrilho, Campina do Siqueira, Batel e Mercês.

Já em São José dos Pinhais, a falta de água pode atingir os bairros Cidade Jardim, São Judas Tadeu, Guatupê, Ipê, Academia, Cristal e São Marcos.

Quando a água volta em Curitiba e São José dos Pinhais?

 De acordo com a Sanepar, a previsão é de que normalização do abastecimento de água em Curitiba e São José dos Pinhais ocorra de forma gradativa, entre a madrugada e o início da manhã desta quinta-feira (22), às 7h.

A orientação à população é evitar desperdícios, com prioridade para alimentação e higiene pessoal.

Podem ficar sem água durante este período os clientes que não possuem caixa-d’água no imóvel, conforme recomendação da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). A Sanepar sugere que cada imóvel tenha uma caixa-d’água de pelo menos 500 litros. Assim, é possível ter água por 24 horas, no mínimo.

Em caso de dúvidas, é possível ser feito um contato pelo telefone 0800 200 0115, que funciona 24 horas. Ao ligar, é recomendado que o consumidor tenha em mãos a conta de água ou o número de matrícula Sanepar.