Aulas são retomadas no Colégio Helena Kolody, em Cambé

As atividades acadêmicas haviam sido suspensas na última segunda-feira, após o ataque covarde que chocou o país. Dois estudantes morreram no atentado a tiros.

As aulas foram retomadas no Colégio Estadual Helena Kolody, em Cambé, no Norte do Paraná, na manhã desta segunda-feira (26). As atividades acadêmicas haviam sido suspensas na última segunda-feira (19), após o ataque covarde que chocou o país. Dois estudantes morreram no atentado a tiros.

O início das aulas no Colégio Helena Kolody ocorreu às 7h30. Uma equipe de segurança realizou o monitoramento na entrada dos alunos. A Polícia Militar também estava presente.

Conforme a direção da escola, não haverá atendimento presencial na secretaria nesse momento de retomada das atividades.

A cidade de Cambé conta com com treze colégios estaduais, com pouco mais de nove mil alunos matriculados. As atividades nos demais espaços já havia sido retomadas na última quinta-feira (22).

A Prefeitura de Cambé informou que as aulas na rede municipal de ensino também voltam nessa segunda-feira (26). O município possui 44 estabelecimentos municipais de ensino.

Excepcionalmente hoje, as aulas nas escolas municipais irão começar uma hora mais tarde, às 08h30 nos períodos matutino e integral, e às 14h no vespertino.

A administração municipal divulgou uma cartilha aos diretores com recomendações para ações para a sequência do ano letivo, para professores, pais e responsáveis. O documento visa dar mais segurança e acolhimento, com recomendações para organização do ambiente, monitoramento das crianças em celulares e vida digital, aproximação com a escola e forças de segurança, entre outros itens.

Um Comitê de Apoio, formado pro profissionais das secretarias de Educação, Assistência Social, Comunicação, Saúde e Governo, além de representantes do governo do Estado e também do Ministério da Educação, também foi criado. Os profissionais prestam solidariedade, amparo emocional e apoio psicológico aos familiares das vítimas, aos professores e aos alunos de Cambé.

Ataque a tiros em escola de Cambé

O ataque no Colégio Estadual Professora Helena Kolody foi cometido por um ex-aluno da instituição, de 21 anos. Armado, ele efetuou diversos disparos.

Dois estudantes morreram no atentado: Karoline Verri Alves, de 17 anos, e Luan Augusto da Silva, de 16 anos. Eles eram namorados.

Os estudantes Karoline e Luan foram baleados no atentado em Cambé e não resistiram aos ferimentos. Foto: Reprodução/Facebook

Após o ataque covarde ele tentou fugir, mas foi preso pela Polícia Militar. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, o homem planejou o atentado por quatro anos. ele foi encontrado morto na noite de terça (20), na cela em que estava na Casa de Custódia de Londrina.

Ao todo, quatro pessoas foram detidas por suspeita de envolvimento na organização do ataque a tiros.