Janja, primeira-dama, diz que Bolsonaro estragou Alvorada

Residência presidencial em Brasília está com o piso estragado, estofados rasgados, uma mesa quebrada, tapetes furados e até paredes mofadas, após a saída do ex-presidente.

Rosângela Lula da Silva, a Janja, mulher do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), denunciou o mau estado de conservação do Palácio da Alvorada, residência presidencial em Brasília

Em entrevista para o canal Globonews, a primeira-dama passeou com a apresentadora Natuza Nery pelo local e mostrou a área privativa do Palácio, onde o presidente e Janja irão residir de fato

Lá, era possível ver o piso estragado, estofados rasgados, uma mesa quebrada, tapetes furados e até paredes mofadas

Vestindo um terninho branco e uma blusa roxa durante a turnê pelo Palácio, a primeira-dama também deu falta de algumas obras de arte

Durante a gestão Jair Bolsonaro, de 2018 até 2022, o ex-presidente retirou várias obras de arte sacra e transferiu para o Palácio do Jaburu, da vice-presidência

A residência apresentava um par de anjos barrocos e quatro estátuas de santos nas salas.