Foto: Geraldo Bubniak/AGB

Vacina contra a gripe: veja onde receber o imunizante em Curitiba

A cidade recebeu até o momento 66 mil doses da vacina contra a gripe, e aguarda novas remessas.

A campanha anual de vacinação contra a gripe começa nesta segunda-feira (25) no Paraná. Em Curitiba, o imunizante será ofertado em 103 unidades de saúde, ao grupo considerado prioritário.

Foram convocados, neste primeiro momento, crianças de seis meses a 2 anos, 11 meses e 29 dias e trabalhadores da saúde da rede municipal. O imunizante contra a gripe também começará a ser aplicado, gradualmente, em pacientes acamados e profissionais de saúde.

A vacina contra a gripe estará disponível em 103 unidades de saúde de Curitiba. A lista com os endereços e horário de atendimento dos postos de saúde pode ser consultada no site Imuniza Já Curitiba.

Grupos prioritários

Conforme a Secretaria Municipal da Saúde, Curitiba recebeu até o momento 66 mil doses da vacina contra a gripe, quantidade que não contempla toda a população do grupo prioritário preconizado pelo Ministério da Saúde. O município aguarda o envio de novas remessas do imunizante pelo Estado para convocar os demais grupos prioritários:

  • pessoas com 60 anos ou mais
  • gestantes e puérperas (mulheres que tiveram filho até 45 dias)
  • professores do ensino básico e superior
  • indígenas
  • pessoas em situação de rua
  • profissionais da força de segurança e salvamento
  • profissionais das formas armadas
  • pessoas com doenças crônicas
  • pessoas com deficiência permanente
  • caminhoneiros
  • trabalhadores do transporte coletivo
  • trabalhadores portuários
  • população privada de liberdade e funcionários do sistema de privação de liberdade

Ao todo, fazem parte do público prioritário na capital paranaense 665 mil pessoas. De acordo com o sistema de saúde curitibano, esses grupos serão convocados gradualmente e de forma escalonada, na medida em que forem sendo disponibilizadas novas doses à Curitiba pela Secretaria de Estado da Saúde.

Na sequência, o imunizante será disponibilizado à população em geral, conforme disponibilidade.

Em todo o Estado, cerca de 4,5 milhões de pessoas deverão receber a vacina contra a gripe, apenas no grupo prioritário.

As cidades de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, e Londrina, no Norte paranaense, anteciparam a campanha de vacinação para o último final de semana.