Esportes
Ex-presidente do Coritiba é indicado para Conselho de Administração da SAF

Ex-presidente do Coritiba é indicado para Conselho de Administração da SAF

Vilson Ribeiro de Andrade poderá vetar algumas decisões da Sociedade Anônima do Futebol, como mudanças de escudo e uniformes

Pedro Melo - sexta-feira, 20 de outubro de 2023 - 14:33

O Coritiba anunciou que finalizou todo o procedimento para a negociação da Sociedade Anônima do Futebol (SAF). Com isso, a empresa Treecorp, que fez o investimento de R$ 1,1 bilhão por 90% da SAF, oficialmente passa a ter o controle do clube.

O Coxa ainda definiu que o ex-presidente Vilson Ribeiro de Andrade foi indicado para o Conselho de Administração. Já Naim Akel Neto foi escolhido para o Conselho Fiscal.

Vilson Ribeiro de Andrade foi presidente do Coritiba entre os anos de 2012 e 2014, e alcançou as finais da Copa do Brasil nas duas primeiras temporadas. Em 2021, ele retornou para o cargo de diretor institucional.

Na nova função, no Conselho de Administração, o dirigente poderá vetar algumas decisões da SAF, como mudanças de escudo e uniformes.

“Trata-se de um momento único na história do clube. Ao longo dos próximos 10 anos, serão direcionados recursos para quitação total do endividamento atual, próximo a R$ 270 milhões no primeiro semestre de 2023, bem como R$ 100 milhões para a construção de um novo Centro de Treinamento, R$ 500 milhões para a modernização do Estádio Couto Pereira e R$ 450 milhões para a operação”, destacou o Coritiba.

LEIA A NOTA DO CORITIBA NA ÍNTEGRA

O Coritiba Foot Ball Club (“Associação”) informa que foi concluído o fechamento da operação por meio da qual, em contrapartida às obrigações assumidas, a Coxa Participações S.A., empresa controlada por fundos de investimento geridos pela Treecorp Investimentos, se torna titular de 90% do capital total e votante da Coritiba Sociedade Anônima do Futebol.

O fechamento foi consumado após terem sido verificadas e/ou cumpridas todas as condições precedentes estabelecidas no contrato assinado pelas partes no dia 8 de maio de 2023, incluindo a aprovação da Assembleia Geral de Sócios e do Conselho Deliberativo do Coritiba Foot Ball Club, que aprovaram a operação com, respectivamente, 96% e 98% dos votos.

Como parte do fechamento, a Associação definiu seus representantes nos órgãos de administração e de fiscalização do Coritiba SAF, com a indicação de Vilson Ribeiro de Andrade para o Conselho de Administração e de Naim Akel Neto para o Conselho Fiscal.

Trata-se de um momento único na história do clube. Ao longo dos próximos 10 anos, serão direcionados recursos para quitação total do endividamento atual, próximo a R$ 270 milhões no primeiro semestre de 2023, bem como R$ 100 milhões para a construção de um novo Centro de Treinamento, R$ 500 milhões para a modernização do Estádio Couto Pereira e R$ 450 milhões para a operação.

Os anos de 2021 e 2022 foram marcados pelo saneamento financeiro do clube, com geração de lucro líquido contábil nos dois exercícios, resultados positivos dentro de campo – com o retorno à Série A em 2021 e o título do Campeonato Paranaense em 2022 – e o fortalecimento estratégico das categorias de base, com as conquistas da Copa do Brasil e do Campeonato Paranaense na categoria Sub-20 e diferentes convocações para a seleção brasileira nas principais categorias.

O ano de 2023, por sua vez, com a atração de mais de R$ 1 bilhão em investimentos para sua Sociedade Anônima do Futebol, representa a transição do modelo associativo para a estrutura empresarial.

Através da SAF, com uma gestão contínua e acesso a recursos financeiros, o Coritiba estará preparado para se consolidar como uma das principais potências no cenário do futebol brasileiro e sul-americano ao longo dos próximos 10 anos.

O Conselho Administrativo da Associação agradece aos milhares de sócios e milhões de torcedores pelo apoio nesta revolução, que está em marcha e apenas no começo. O clube está preparado, como nunca esteve em sua história recente, para enfrentar qualquer desafio e viabilizar grandes conquistas, à altura daquela que é o seu maior patrimônio: a sua torcida.

Compartilhe