Economia
Grande Curitiba gerou mais de 65 mil vagas de emprego em maio, segundo Caged
(Foto: Ricardo Marajó/FAS)

Grande Curitiba gerou mais de 65 mil vagas de emprego em maio, segundo Caged

Curitiba foi líder no período, seguida por São José dos Pinhais e Pinhais

Brenda Iung - segunda-feira, 1 de julho de 2024 - 20:00

*Com assessoria.

A região metropolitana de Curitiba registrou um aumento significativo nas vagas de empregos em maio, com a criação de 65.701 novas oportunidades, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Quais são os municípios da Região Metropolitana de Curitiba com a maior oferta de empregos

Na liderança da oferta de emprego na Região Metropolitana de Curitiba, a capital paranaense (46 mil vagas). Seguida por São José dos Pinhais (5,5 mil vagas) e Pinhais (2,5 mil vagas).

Em contrapartida, as mesmas cidades também foram líderes nas demissões. Curitiba, com 43 mil. São José dos Pinhais com 5,3 mil e Pinhais com 2,5 mil. Em maio, a Região Metropolitana de Curitiba registrou 61 mil desligamentos.

O saldo positivo na oferta de empregos foi de 4 mil vagas formais.

O perfil dos contratados em empregos formais na Região Metropolitana de Curitiba

A análise do perfil dos novos contratados revela que:

  • 53,82% eram homens
  • 46,18% eram mulheres

Em termos de escolaridade, a maioria dos trabalhadores (65,59%) possui ensino médio completo. A faixa etária predominante é de 18 a 24 anos, representando 28,32% dos contratados.

Quais são os setores que mais empregam em Curitiba e Região Metropolitana?

O comércio foi o setor que mais contribuiu para as novas contratações em maio. Esta tendência reflete o crescimento das atividades comerciais na região, impulsionadas pela recuperação econômica e pelo aumento da demanda.

*Com assessoria.

Compartilhe