Pedro Ribeiro

Jair Bolsonaro, ex-presidente do Brasil, conseguiu mobilizar um grande número de apoiadores, neste domingo, na Avenida Paulista, em São Paulo. Mostrou que tem força. Porém, de nada adianta, inclusive seu apelo à anistia às pessoas que participaram do ato de oito de janeiro em Brasília e para si próprio, que terá que responder pelos seus atos junto às autoridades constituídas.

Existem provas contundentes encontradas pela Polícia Federal junto a seus assessores e militares, o que o levarão a responder pelo ato ou intenção de golpe de estado. Por mais que tenha levado milhares de pessoas na Paulista, não significa que está livre da justiça.

Bolsonaro, sim, mostrou a Lula que há uma resistência à esquerda, mas não poderá fazer atos como este todos os meses. O presidente da República só tem uma coisa a fazer: realizar as promessas de campanha e fazer o país caminhar. Só isso. Em relação à eleição futura, só o futuro dirá.